Projeto Vida Marinha

Free Translation Widget

Rating: 3.4/5 (19 votos)



 

                      

       É você quem faz !!!      

 

 

Ambientamar


        PROGRAMA DE REVITALIZAÇÃO DA PESCA ARTESANAL CEARENSE

  

  

Vem apresentar e desenvolver um modelo para o resgate da pesca artesanal de forma consciente e sustentável, oferecer seus benefícios iniciais à família do pescador cearense engajada na implantação deste programa. Objetivamos a conscientização, revitalização e preservação do meio ambiente marinho buscando apoio na sociedade e a participação de todos.

 

Este espaço é dirigido principalmente por universitários participantes do Programa de Voluntariado Para o Gerenciamento . Incentiva e apoia o desenvolvimento de pesquisas, funciona como laboratório e atende a outras atividades voltadas ao conhecimento marinho promovendo apoio técnico científico para nossos estudantes.

 

Ações estão sendo desenvolvidas com o objetivo de movimentar o trabalho social destinado às famílias dos pescadores cadastrados comprometidos com este programa. Esperamos também através destas ações conseguir recursos para a construção do primeiro módulo do ambientamar. (módulo experimental)

 

O QUE É AMBIENTAMAR (Resumo sintético)

- Criação de uma rede de recifes artificiais no fundo do mar do Ceará         objetivando o reflorestamento do mesmo (recuperação da ictiofauna).

- Construído em área que impacte positivamente o meio ambiente             marinho, atendendo:

- Produtivamente; as populações de pescadores profissionais artesanais.

- Educativamente; aos universitários das áreas marinhas como um             laboratório vivo e aos das áreas correlacionadas com o programa.

- Cientificamente; obedecendo ao calendário de evolução paralelo a um     sistema próprio de defeso.

- Ao turismo e ao lazer; através do mergulho contemplativo e da pesca       esportiva. 

Entre outras atividades sociais, econômicas, ambientais.

 

Para que seja realizado um trabalho de forma ecologicamente correta e economicamente viável, com relação aos recifes artificiais (marambaias), os módulos serão produzidos artesanalmente com material específico (informação interna) biodegradável e já descartados na natureza.

 

 

*Mais ação prevista

Experiência com plástico biodegradável será feita sequencialmente com módulos artesanalmente  acoplados e acondicionados ao fundo do mar. 

 

 ATENÇÃO: Jogar garrafas plásticas no mar é irresponsabilidade ambiental.

Acoplá-las formando módulos, acondicioná-las e fundeá-las engenhosamente no fundo do mar visando a criação da vida marinha, é experiência cientifica.

* Duração do plástico biodegradável no mar: 06 meses, aproximadamente. 

* Início da geração de vida marinha em recife artificial: 03 meses, em média.

 

 

ENVOLVIMENTO

Este trabalho precisa desenvolver-se com a participação de todos que julgam esta atitude importante e necessária; pescadores, mergulhadores, empresários, estudantes, professores e estudiosos do meio. A participação e o apoio da sociedade é extremamente importante pois, visa para o futuro da nossa geração a conscientização, a produção de alimentos e o consumo com responsabilidade.

 

 

 

É VOCÊ QUEM FAZ!

 

 

 

PARA REFLETIR.

Nos plânctons e nas algas podem estar o futuro da Vida.

 

" Dizem que as florestas são o pulmão do mundo, e que a Amazônia é a floresta mais importante dentro desse contexto. Será que isso é verdade?

Diferentemente do que se pensa, as florestas não são o pulmão do mundo, pois elas não são as principais responsáveis pela produção de oxigênio no planeta. As verdadeiras responsáveis por um grande volume de O2 são as algas marinhas. Isso mesmo! As algas marinhas podem ser consideradas o pulmão da Terra!

Vamos explicar. As algas marinhas fazem muito mais fotossíntese do que as árvores do planeta. Levando em conta toda a população de algas dos oceanos, temos muito mais oxigênio vindo do mar do que gás produzido pelas florestas.

O oxigênio produzido pelas algas extravasa para a atmosfera. Para se ter uma ideia, um metro quadrado de algas produz dez vezes mais oxigênio do que um metro quadrado de árvores.

As algas marinhas produzem mais oxigênio pela fotossíntese e liberam mais gás para o meio ambiente. Já as florestas produzem menos O2 e liberam pouco gás para o meio porque a própria floresta tem um grande consumo de oxigênio.

Existem diversos tipos de algas marinhas que desempenham um papel muito importante no ciclo da vida do ambiente marinho. Isso explica porque as algas são fundamentais para o equilíbrio do planeta."